Palestras para Sipat

Com uma palestra rica e dinâmica, os espectadores recebem ensinamentos importantes para elevar a auto estima e manter-se sempre motivados e saudáveis. Ensinar como prevenir várias doenças, combater o stress do dia a dia e reconhecer sinais de alerta é o nosso desafio.

Grande parte das empresas precisa realizar anualmente a SIPAT, Semana Interna de Prevenção de Acidentes do Trabalho.

Sua realização, mesmo sendo uma necessidade legal, o que pode gerar um sentimento de execução apenas pela obrigatoriedade, é de suma importância para ampliar a conscientização das pessoas sobre hábitos de saúde e segurança no trabalho, na maioria das vezes, através de palestras SIPAT.

A Legislação da SIPAT está prevista na Portaria nº 3.214, NR-5, item 5.16, letra O. As empresas que estão obrigadas a constituir CIPA devem realizá-la anualmente, desenvolvendo palestras SIPAT e atividades com temas voltados para segurança e saúde do trabalhador, e a sua realização pode ser em qualquer mês no ano, já que a NR-5 não menciona sobre datas específicas para a realização.

A responsabilidade é da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes, a CIPA. É aconselhável que CIPA planeje e organize a SIPAT com boa antecedência, aproveitando a oportunidade para identificar as necessidades da empresa que possam ser sensibilizadas através de atividades e palestras SIPAT.

Em muitas empresas, a SIPAT recebe a colaboração do RH e em certos casos, esse pode ser o setor responsável pela organização e implementação das ações.

NR-5 não menciona nenhum tema obrigatório para ser realizado durante a SIPAT. Algumas empresas entendem que devem tratar, durante essa semana, o tema HIV/AIDS, mas, não existe a obrigatoriedade de fazer dessa forma nesse momento, mas sim, a qualquer tempo durante o ano. O que muitas empresas fazem é realizar as 2 atividades em conjunto, assim, cumprem rigorosamente a legislação. Porém, fica a critério da empresa fazer o tema AIDS ou não durante a semana da SIPAT.

Nas SIPATs os temas mais comuns para atividades e palestras são: AIDS e DSTs, prevenção de acidentes, trânsito, conscientização ambiental, tabagismo, alcoolismo, ergonomia, acidentes domésticos e estresse

Entretanto, as empresas mais atualizadas e sintonizadas nas reais necessidades de desenvolvimento de suas equipes, têm trabalhado também outros assuntos mais inovadores para palestras SIPAT.

Sabe-se que a saúde, qualidade de vida e a prevenção de acidentes requerem basicamente uma mudança de pensamento que impulsionarão as atitudes adequadas para o ambiente do trabalho.

Assim, novos temas têm feito a diferença nas SIPATs e têm gerado grandes transformações no ambiente de trabalho e no comportamento das pessoas.

Quais seriam temas diferenciados e inovadores para as Palestras SIPAT?

– Trabalho em Equipe e Relacionamento Interpessoal

Boa parte das doenças nas empresas surge devido ao clima organizacional impactado relacionamentos tóxicos. Para ter desempenhos adequados e atingir bons resultados, as pessoas precisam estar motivadas e felizes. O bom relacionamento é um dos principais fatores de motivação e do clima saudável.

– Motivação

Ninguém duvida que o profissional motivado tem mais resultados, além de trabalhar com mais segurança e dedicação.

– Qualidade de Vida

É importante trabalhar esse tema de maneira mais ampla, indo além do tradicional discurso sobre alimentação e exercícios físicos. Falar sobre autoestima, entusiasmo e felicidade também impacta positivamente.

– Protagonismo e iniciativa

O colaborador precisa assumir a responsabilidade e a proatividade sobre seus atos e entender a importância de ser o autor de suas próprias atitudes. Isso evita acidentes e melhora a preocupação preventiva com a saúde.

– Mudanças comportamentais

Estimular a mudança de hábitos negativos para as práticas positivas é o que gera o engajamento com os comportamentos saudáveis.

– Propósito de vida

Muitas vezes precisamos parar e pensar naquilo que nos move em direção aos objetivos. Quais são os motivos que nos impulsionam? Com um novo sentido na vida, as ações são mais seguras.

– Superação de desafios

Sabemos que os resultados dependem do engajamento e envolvimento de cada um. Tratar esse tema na SIPAT é uma excelente injeção de ânimo para a superação de desafios, entre eles, a busca incansável e disciplinada das práticas adequadas ao ambiente de trabalho.

Organizando palestras que chamem a atenção, estimulem a conscientização e sejam inovadoras

As palestras que realmente fazem a diferença são aquelas cujos temas saem da mesmice, afinal, os funcionários, principalmente os mais antigos, já estão acostumados – e às vezes entediados – em sempre ouvirem os mesmos temas nas palestras SIPAT.

Os eventos, na atualidade, para agregarem valor às pessoas e à empresa, precisam atender a algumas premissas:

– Os eventos e convenções precisam de palestrantes com conteúdo relevante e inovador;

– A apresentação tem que ser leve, bem humorada e descontraída;

– É importante que a mensagem contenha aplicação prática e represente a realidade;

– As apresentações tem que ser customizadas às necessidades do cliente e falar a linguagem da empresa.

– Mas de nada adianta uma organização dedicada e cuidadosa se a escolha do palestrante SIPAT não for acertada.

Um bom palestrante pode ser a diferença entre um evento bem-sucedido ou não. Vale a pena escolher meticulosamente os palestrantes, principalmente aquele que “dará o tom” ao seu evento porque ele pode criar um clima de aceitação favorável aos palestrantes seguintes e às mensagens que se deseja transmitir.

Um palestrante amador e inexperiente pode jogar por terra toda a programação da SIPAT.

Cuidados para escolher um palestrante para a SIPAT

Alguns pontos a considerar na contratação de um palestrante:

– Histórico de comprometimento e pontualidade

Este é um critério que poucos pensam em verificar, um famoso palestrante que chega atrasado compromete o sucesso do evento. Trinta por cento dos palestrantes que aceitam palestras sem remuneração, acabam cancelando.

– Experiência comprovada

É bom é contratar alguém que costuma realizar pelo menos 20 palestras ao ano. Estes têm um nome a zelar. Palestras para grandes públicos requerem preparação contínua e prática constante. Como um bom cirurgião. Cirurgiões eventuais só mesmo para os corajosos. Sempre avalie quem são os principais clientes do palestrante e busque referências

– Autenticidade

Bons palestrantes falam do coração. Os participantes percebem quando o apresentador está ali por acreditar realmente em sua própria mensagem ou quando apenas está ali para ganhar dinheiro.

– Organização

Boas palestras são cuidadosamente preparadas. Palestras de improviso são sempre mais arriscadas, às vezes são brilhantes, outras vezes um desastre. Faça um bom alinhamento com o palestrante antes do evento e compartilhe as necessidades e a cultura da empresa. Avalie a organização do seu palestrante desde o seu primeiro contato com ele, pois esta será uma boa indicação do que poderá ocorrer no dia do evento.

– Senso de humor

A plateia não é de ferro. Bons palestrantes sabem como ninguém intercalar um assunto sério com alguma frase espirituosa, sempre no contexto, dando à palestra uma sequência agradável.

– Talento

Fazer uma boa palestra requer talento, treinamento e muita prática, como em qualquer profissão. Nenhum evento bem organizado apaga às lembranças ruins de um palestrante inadequado.

Como contratar um bom palestrante, com bom custo x benefício e conteúdo inovador?

Se você quer tirar sua SIPAT da mesmice e levar um tema que contribua para atingir definitivamente seus colaboradores, confie em um Palestrante que pense como você, que compreenda que a SIPAT não é somente uma obrigação, mas sim uma forma de tornar o ambiente de trabalho mais seguro e agradável, em vários aspectos.

Fale Conosco

Abrir chat
Precisando de ajuda ?